Princípios da Inovação Suíça

Inovação Suíça

“Inovação não é o produto do pensamento lógico, embora o resultado esteja vinculado a estrutura lógica.” Albert Einstein

A Suíça é mais inovadora e empreendedora do que geralmente se sabe. Investimentos generosos criaram um ecossistema eficiente de educação, pesquisa e inovação, o que leva o país a figurar entre os primeiros no ranking de inovação do mundo.

Principais figuras na Suíça

A Suíça é um país pequeno, rico em diversidade: línguas, culturas, setores econômicos e diferentes paisagens, isso tudo existe em uma pequena área.
1

Principais fatores para inovação

A Suíça tem todas as características necessárias para o sucesso da inovação:• Força de trabalho bem treinada
• Instituições acadêmicas excelentes
• Infraestrutura totalmente desenvolvida
• Diversas possibilidades de financiamento
• Liberdade para o pensamento criativo
• Uma rede de network forte
• Altas despesas de P&D

Altos níveis de despesas de P&D

A Suíça é um dos países com o maior gasto em pesquisa e desenvolvimento (P&D) em relação ao seu produto interno bruto (PIB). O setor privado suporta o custo de mais de dois terços das despesas de P&D da Suíça, que atualmente equivalem a cerca de 3% do PIB ou cerca de CHF 16 bilhões. As despesas públicas de P&D destinam-se principalmente a promover pesquisas fundamentais
5-462x454

Excelentes instituições acadêmicas

As universidades suíças de primeira linha (ou seja, as 10 universidades cantonais e os dois institutos federais de tecnologia da Suíça: ETH Zurich e EPF Lausanne) detêm posições fortes em listas internacionais de classificação. A Suíça tem a segunda maior despesa per capita em educação no mundo (14.900 dólares por ano). Seu gasto total em educação corresponde a 5,6% do seu PIB (2013). Com 50% dos professores universitários de topo de linha e 25% dos estudantes estrangeiros, instituições acadêmicas mostram um alto grau de internacionalização.

Alto nível de internacionalização

Cooperação científica internacional é uma prioridade na agenda da Suíça.A Suíça está envolvida com inúmeras organizações internacionais e programas de pesquisa, como o CERN, e também promove a cooperação em pesquisa bilateral com países prioritários selecionados.
Como ilustrado abaixo, inventores na Suíça são mais suscetíveis de serem imigrantes do que os nativos.
7

A cena de startups na Suíça

Principais números
Em 2010, mais de 12.500 novos empreendimentos foram lançados na Suíça. 1.707 deles eram de empresas nas indústrias de base tecnológica de Energia e de TIC (Tecnologia da Informação e Comunicação). Mesmo com a taxa de natalidade de empresas relativamente baixa, as startups parecem falhar menos na Suíça do que em outros lugares. De CTIs rotulados como startups (1999-2009) 88,9% das empresas ainda estavam abertas depois de cinco anos, enquanto 57% dos não-CTIs rotulados como startups ultrapassaram os cinco anos.
9-562x449

Sete princípios de sucesso

Princípio 1: Fortalecer a competitividade
Princípio 2: Promover a matemática e ciências
Princípio 3: Promover um sistema de formação dúplice
Princípio 4: Fornecer fundos para pesquisa
Princípio 5: Manter os mercados abertos
Princípio 6: Promover a articulação internacional
Princípio 7: Realizar uma política de criação de liberdade de ação
Para ler o relatório completo, clique aqui (em íngles)

Sistema de Apoio às Startups Suíças

Na Suíça uma grande quantidade de programas de apoio empresarial e assistência a novos empreendimentos foram estabelecidos e existem mais de 150 organizações de apoio a ideias empreendedoras e a talentos. Cerca de 120 destas concedem prêmios para conceitos de negócio inovadores e ideias tecnológicas, enquanto outras instituições fornecem marcas para fundadores promissores – por exemplo, Marca CTI, Marca de Cisão EPFL, Marca de Cisão ETHZ, Top 100 startups ou Venture Leaders.

11

Assim como a agência de promoção de inovação da Confederação, a Comissão de Tecnologia e Inovação (CTI), dá o seu apoio a projetos de P&D, de empreendedorismo e de desenvolvimento de empresas startups. A CTI ajuda a otimizar o conhecimento e a transferência de tecnologia através do uso de redes temáticas nacionais. A swissnex, uma iniciativa do governo suíço, é uma rede com pontos nos centros mais inovadores do mundo, com o papel de reforçar a liderança da Suíça como um país de classe mundial para a ciência, a educação e a inovação. A swissnex Índia está apoiando startups suíças em sua entrada no mercado indiano.

Fontes:
www.sbfi.admin.ch (Secretaria de Estado para Educação, Pesquisa e Inovação, SERI)
www.startupmonitor.ch (Monitor de Startups Suíças)
www.startup.ch
www.swissnexindia.org