Urban living, mobility & health – the future of our cities

Join us on the 4th of March for an insightful discussion on the importance of urban planning and architecture in health and mobility with experts and researchers from EPFL, WHO and USP

Event Details

Location

Webinar

Date

4th of March 2021
14:00 – 15:30 (Brazil)
18:00 – 19:30 (Switzerland)

Cost

Free Upon Registration

The Covid-19 pandemic brought to light the social inequalities and exposed frailties in the access to certain fundamental human rights, such as access to health and mobility. The type of housing, sanitation level, mobility, and urban structures play an essential role in people’s individual and collective health. The right to the city, the right to an efficient mobility structure, planned urbanization, and urban equipment improve a population’s quality of life and health.

How can architects and urban planners tackle the global challenges of developing necessary infrastructure and services, especially in more impoverished regions of the world? Which practices can be implemented to improve citizens’ lives? How can technology, innovation, and local communities contribute?

To answer these questions, swissnex Brazil invited Anna Karla Almeida, PhD candidate at EPFL, to moderate a discussion between Vitor Pessoa Colombo, PhD candidate at the EPFL, Ligia Vizeu Barrozo, Professor of Geography at the University of São Paulo, and Thiago Hérick de Sá, public health professional at the WHO.

The event will be held on the 4th of March, in Portuguese with simultaneous translation in English. Sign up here.

 

SPEAKERS:

 

Ligia Vizeu Barroso
Ligia is a Geographer, Associate Professor at the Department of Geography at the University of São Paulo. At the Institute of Advanced Studies of the USP she coordinates the study group Urban Space and Health. The group’s main objective is to understand how the organization of urban space is associated with socio-spatial inequalities in health outcomes. Ligia is also a Visiting Researcher of the Brazilian Israeli Beneficent Society Albert Einstein Hospital. Linked to Einstein’s team of Big Data Analytics, she has developed the GeoSES socio-economic index for health and social studies in Brazil. The index has allowed the understanding of intra-urban differences in infant mortality, mortality from cardiovascular diseases and the spatiotemporal evolution of mortality by COVID-19.

 

Thiago Hérick de Sá
Thiago de Sá is a public health professional working on healthy urban environment and sustainable mobility related issues at the Department of Environment, Climate Change and Health, at the World Health Organization headquarters. His most recent work includes the adaptation for a global use of the Health and Economic Assessment tool for Walking and Cycling (HEAT) as well as support for the development of WHO’s Urban Health Research Agenda and WHO’s Urban Health Initiative. Dr. de Sá is also WHO’s responsible officer for the publication “Integrating Health in Urban and Territorial Planning: a sourcebook”, jointly published with UN Habitat. Prior, Dr de Sá has worked as a researcher on urban health and environmental epidemiology, with a track record of publications in several academic journals. Dr. de Sa holds a master and a PhD in Public Health from the University of Sao Paulo, Brazil.

 

Vitor Pessoa Colombo
Vitor is an architect and currently conducts a PhD at the École Polytechnique Fédérale de Lausanne (Switzerland) on the influence of urban morphology on diarrhoeal diseases in the context of large African cities marked by socio-spatial segregation. Vitor also works voluntarily with the NGO TETO as technical coordinator of the slum mapping team in São Paulo. In this collaboration, applications of geographic information systems are developed that are accessible to anyone with an internet connection, aimed at high resolution data collection in order to support decision making and community development projects in slums.

 

Moderator: Anna Karla Almeida
Anna Karla Almeida is an architect and urban planner (UEMA – Brazil), and obtained in 2018 a Master in Technique, Heritage and Industrial Territories by Panthéon-Sorbonne University (France). She is currently doing her PhD at École Polytechnique Fédérale de Lausanne (EPFL, Switzerland) at the Laboratory of Urbanism (Lab-U). Anna is also a member of the Habitat Research Center of EPFL, which aims to explore urban phenomena and produce visions, strategies and projects on this primary and crucial topic. In this context, the major research lines of Habitat are urban health, landscape and productive habitats. Moreover, in 2020, she was an invited panelist at the seminar Urban Living and Covid-19: Impacts on Architecture and the future of cities, promoted by swissnex Brazil.

 

 


 

Vida urbana, mobilidade e saúde – o futuro das nossas cidades

 

A pandemia de Covid-19 expôs ainda mais as desigualdades sociais e fragilidades no acesso a certos direitos humanos fundamentais, como o acesso à saúde e à mobilidade. O tipo de moradia, a cobertura de saneamento básico, a mobilidade e a qualidade de equipamentos urbanos desempenham um papel essencial na saúde individual e coletiva de uma população.

Como arquitetos e urbanistas podem enfrentar os desafios globais para o desenvolvimento de infra-estruturas e serviços necessários, especialmente nas regiões mais pobres e desiguais do mundo? Quais práticas podem ser implementadas para melhorar a vida dos cidadãos? Como os recursos de tecnologia, de inovação e as próprias comunidades locais podem contribuir?

Para responder a estas perguntas, a swissnex Brazil convidou Anna Karla Almeida, doutoranda na EPFL, para moderar uma discussão entre Vitor Pessoa Colombo, doutorando da EPFL, Ligia Vizeu Barrozo, professora de Geografia da Universidade de São Paulo, e Thiago Hérick de Sá, profissional de saúde pública da OMS.

O evento será realizado no dia 4 de março, em português, com tradução simultânea para inglês. Inscreva-se aqui.

 

PALESTRANTES:

 

Ligia Vizeu Barroso
Ligia é geógrafa e Professora Associada do Departamento de Geografia da Universidade de São Paulo (USP). No Instituto de Estudos Avançados da USP coordena o grupo de estudos Espaço Urbano e Saúde (espacourbanoesaude.iea.usp.br). O grupo tem como principal objetivo compreender como a organização do espaço urbano está associada com as desigualdades sócio-espaciais e seus impactos na saúde. Ligia também é Pesquisadora Visitante da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Hospital Albert Einstein. Vinculada à equipe de Big Data Analytics do Einstein, desenvolveu o índice socioeconômico GeoSES para estudos sociais e de saúde no Brasil. O índice tem permitido a compreensão de diferenças intra urbanas na mortalidade infantil, na mortalidade por doenças cardiovasculares e da evolução espaço temporal da mortalidade por COVID-19.

 

Thiago Hérick de Sá
Dr. de Sá é um profissional de saúde pública que trabalha com ambiente urbano saudável e questões relacionadas à mobilidade sustentável no Departamento de Meio Ambiente, Mudanças Climáticas e Saúde, na sede da Organização Mundial da Saúde. Seu trabalho mais recente inclui a adaptação para uso global da ferramenta de Avaliação de Saúde e Econômica para caminhadas e ciclismo (HEAT), bem como o apoio ao desenvolvimento da Agenda de Pesquisa em Saúde Urbana da OMS e da Iniciativa de Saúde Urbana da OMS. Dr. de Sá é também o responsável pela publicação “Integrating Health in Urban and Territorial Planning: a sourcebook” da OMS, publicada em conjunto com a UN HABITAT. Dr de Sá trabalhou anteriormente como pesquisador em saúde urbana e epidemiologia ambiental, com um histórico de publicações em várias revistas acadêmicas. Dr. de Sá tem mestrado e doutorado em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo, Brasil.

 

Vitor Pessoa Colombo
Vitor é arquiteto e doutorando na École Polytechnique Fédérale de Lausanne (EPFL, Suíça) sobre a influência da morfologia urbana em doenças diarreicas, no contexto de grandes cidades africanas marcadas pela segregação sócio-espacial. Vitor também atua voluntariamente junto à ONG TETO como coordenador técnico da equipe de mapeamento de favelas em São Paulo. Nesta colaboração são desenvolvidas aplicações de sistemas de informação geográfica com levantamento de dados em alta resolução para auxiliar a tomada de decisão em projetos de desenvolvimento comunitário em favelas.

 

Moderadora: Anna Karla Almeida
Anna Karla Almeida é arquiteta urbanista (UEMA – Brasil), e obteve em 2018 o mestrado em Técnica, Patrimônio e Territórios Industriais pela Panthéon-Sorbonne (França). Atualmente está fazendo seu PhD na École Polytechnique Fédérale de Lausanne (EPFL, Suíça) no Laboratório de Urbanismo (Lab-U). Anna também é membro do Centro de Pesquisa Habitat da EPFL, que tem como objetivo explorar fenômenos urbanos e produzir visões, estratégias e projetos sobre este tópico principal e crucial. Neste contexto, as principais linhas de pesquisa do Habitat são saúde urbana, paisagem e habitats produtivos. Além disso, em 2020, foi palestrante convidada do seminário Urban Living e Covid-19: Impactos na Arquitetura e no Futuro das Cidades, promovido pela swissnex Brasil.

 

 

Image by Sergio Souza at Pexels

Top