Conheça os Participantes do Academia-Industry Training 2020-2021

A swissnex Brazil, em colaboração com a Universidade de St. Gallen (HSG), o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicação (MCTIC) lançaram cursos de capacitação para cientistas brasileiros e suíços: “Academia Industry Training” (AIT).

O AIT visa conectar pesquisadores-empreendedores promissores com a indústria para desenvolverem a aplicação de suas pesquisas de alto nível ao mercado. Também faz com que pesquisadores internacionais trabalhem juntos para compartilhar as melhores práticas, desenvolver novas aplicações de mercado e criar sinergias entre si.

O AIT é uma iniciativa da swissnex Brazil e do Centro Latinoamericano-Suíço da Universidade de St. Gallen que consiste em duas fases: um primeiro treinamento no Brasil, conectando pesquisadores-empreendedores brasileiros com seus pares suíços; e um segundo momento de treinamento na Suíça, reunindo novamente os participantes brasileiros e suíços. Devido à situação atual, as datas dos treinos no Rio de Janeiro e em São Paulo ainda precisam ser confirmadas, entretanto, conheça os participantes selecionados!

 

Participantes Brasileiros

 

Amanda Bertolazi – SymbioTech,  Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro
A SymbioTech projeta e desenvolve biofertilizantes para aumentar a produtividade agrícola e a qualidade dos alimentos com uma abordagem inovadora e sustentável. 

 

 

Angelo Polizel Neto – REDSOFT, Universidade Federal de Rondonópolis
A RedSoft aplica visão computacional baseada em inteligência artificial (I.A.) para avaliação de carcaças bovinas em Slaughterhouse 4.0

 

 

Beatriz Gasparini Reis Acqua Inova, Universidade Federal de Minas Gerais
Transformando resíduos industriais em filtros de água de alto desempenho que permitem o abastecimento de água seguro. 

 

 

Katiúcia Paiva – Natural Bone, Universidade de São Paulo
Natural Bone cria um novo hidrogel baseado em tripolímeros naturais para bioengenharia óssea.

 

 

Leandra Santos Baptista –  gcell 3D Cell Culture, Universidade Federal do Rio de Janeiro
Primeiro construto em 3D de tecido adiposo obeso humanizado para rastreamento de drogas para obesidade e síndrome metabólica.

 

 

Leonardo Foti – Hyla Biotech, Universidade Federal do Paraná
Hyla Biotech é uma startup brasileira focada em acelerar o diagnóstico de câncer! 

 

 

Marbella Maria Bernardes da Fonseca – MicroCiclo, Universidade Federal do Rio Grande do Norte
MicroCiclo é uma solução sustentável para materiais contaminados com óleo por meio da biotecnologia.

 

 

Patricia Marques de Farias – Development of  bio-based and biodegradable plastic, Universidade Federal do Ceará
“Smart Packaging” – Filme plástico de base biológica e biodegradável para integrar um sistema de embalagem ativo.

 

 

Rafael Silva – Great Heart Equipamentos Médicos, Universidade de São Paulo
A Great Heart é uma iniciativa que combate a insuficiência cardíaca grave. Não perca a esperança, você sempre tem a Great Heart. 

 

 

Rodrigo Silveira Vieira  TecDerm: High performance dressings for wound care, Universidade Estadual de Campinas
Desenvolvemos um curativo bioativo inovador, feito de celulose bacteriana associada a uma enzima ativa (papaína), capaz de remover tecidos prejudiciais à saúde, promovendo a cicatrização de feridas em um tempo significativamente menor.

 

Check out last year’s edition of the AIT programme.


Participantes Suíços

 

Giulia Biffi – Microcaps, ETH Zürich
Microcaps tem como objetivo revolucionar a indústria de encapsulamento de probióticos, oferecendo uma tecnologia que permite taxas de produção escalonáveis, condições suaves de processamento, proteção gástrica – tudo isso com a precisão suíça.

 

Maria Hahn – Nutrix, University of Basel
Nutrix é uma startup de medtech sediada em Basel que desenvolve sensores de alta tecnologia para monitoramento digital de saúde; atualmente, o portfólio de produtos inclui o sensor de monitoramento de glicose não invasivo gSense e o sensor de monitoramento de temperatura °sense em forma de um pequeno patch. 

 

Florian Döring XRnanotech, Paul Scherrer Institut
A XRnanotech oferece ótica de raios-X nanoestruturada inovadora com excelente precisão para aplicações de alta tecnologia.

 

 

Leo Schittenhelm – BLP Digital, ETH Zürich
BLP Digital é uma empresa spin-off da ETH Zurich que usa inteligência artificial para automatizar a extração de informações de documentos.

 

 

Vanessa Rocha – BactoKind, ETH Zürich
Para pais de bebês com cólicas, BactoKind é o primeiro probiótico que fará seu bebê parar de chorar.

 

 

Zina Yudina – BABYLAT, ETH Zürich
BABYLAT: um novo dispositivo para salvar as vidas mais frágeis (projetado para bebês prematuros para atender às suas necessidades especiais em maior quantidade de proteína).

 

 

Daniel Frick – CryoArc, Paul Scherrer Institut
O CryoArc oferece o primeiro posicionamento de amostra de temperatura ultrabaixa de seis eixos disponível comercialmente para cientistas.

 

 

Benjamin Russel – Python Upskilling, École Polytechnique Fédérale de Lausanne (EPFL)
Python Upskilling é uma plataforma onde você pode aprender data science e python online por meio de exercícios abertos do mundo real usando qualquer computador. Adequado para completos iniciantes e para o treinamento programadores experientes em novas técnicas.

 

Javier Alegria – URBAN CONNECT, University of St. Gallen (HSG)
Plataforma de mobilidade corporativa de veículos compartilhados de baixo carbono.