Pensando em estudar na Suíça

Isso é tudo que você precisa saber!

Must read

www.studyinginswitzerland.ch
Official website in english. Offers everything prospective students need to know about studying in Switzerland.

Visão Global
Existem 12 universidades que concedem títulos de doutorado na Suíça. Este guia fornece as informações mais importantes sobre essas universidades.
Além dessas 12 universidades, existem também outros tipos de universidades que não são abordadas aqui: 8 universidades de ciências aplicadas, 20 universidades de formação de professores e vários institutos universitários que recebem apoio financeiro da Confederação suíça. Os institutos incluem principalmente o Instituto Universitário de Altos Estudos Internacionais e Desenvolvimento (IHEID), em Genebra, Institut Universitaire Kurt Bösch (IUKB) em Sion e Stiftung Universitäre Fernstudien Schweiz (ensino superior à distância), em Brig.

As Universidades

As 12 universidades da Suíça compreendem 10 universidades cantonais e 2 Institutos Federais de Tecnologia. A lista das doze universidades com links para seus sites está disponível aqui.
Nas Universidade de Basel, Berna, Lucerna, St. Gallen e Zurique e no Instituto Federal Suíço de Tecnologia de Zurique (ETH) a língua de ensino é o alemão.
Na Universidade de Genebra, Lausanne e Neuchatel e no Instituto Federal Suíço de Tecnologia, em Lausanne (EPFL) a língua de ensino é o francês.
Na Universidade de Fribourg as línguas de ensino são o alemão e/ou francês; Fribourg é a capital do Cantão bilíngue de Fribourg.
Na Universidade de Lugano (USI), universidade da Suíça na parte da Suíça que fala italiano, fundada em 1996, os cursos são principalmente ensinados em italiano.

Programas de Estudo

O número de licenciados continua a aumentar a cada ano na Suíça. No entanto, todos os programas de estudo mantiveram-se abertos a estudantes que tenham um certificado de graduação válido ou outro certificado de qualificação para entrar na universidade (veja a seção 5).
As exceções são os programas de estudo em medicina (medicina humana, odontologia, medicina veterinária) e quiropraxia, bem como nas ciências esportivas e de movimento humano. Pode haver exames de admissão aos programas de estudo em medicina e em parte dos cursos de ciências esportivas e de movimento humano, dependendo do número de candidatos para a admissão em um determinado ano. O número limitado de vagas é a razão pela qual os estudantes internacionais, além de alguns casos especiais, não são admitidos os programas de estudo em medicina.
A lista de todos os programas de estudo está disponível em uma base de dados.
Clique aqui para obter uma lista de programas de estudo com o Inglês como língua de instrução.

Duração dos programas universitários e da formação universitária

O sistema de estudo em universidades da Suíça está em conformidade com a Declaração de Bolonha, organizado em uma estrutura de três ciclos: o primeiro ciclo de estudos exige 180 créditos ECTS (três anos de programa de estudo em tempo integral); o diploma de bacharel é concedido na conclusão. Isto é seguido pelo segundo ciclo que compreende de 90 a 120 créditos ECTS (1 ½ a 2 anos de programa de tempo integral); o diploma de Mestrado é concedido na conclusão. A duração e os requisitos para o terceiro ciclo, os estudos de doutoramento que levam ao doutorado (PhD), são estabelecidos por cada universidade de forma independente, mas o acesso a estudos de doutoramento é sempre baseado em um pedido por escrito e nas qualificações do requerente (processo de seleção, não há nenhum direito geral de entrada).
Além disso, as universidades também oferecem o programa de pós-graduação chamado de Mestre de Estudos Avançados – MAS (mínimo de 60 créditos ECTS, ou 1 ano de programa de estudo em tempo integral). O MAS não dá acesso a programas de nível de doutorado. A admissão a um programa MAS normalmente exige um diploma de nível universitário e mestrado (a partir de uma universidade, universidade de ciências aplicadas ou universidade de formação de professores).

Requisitos de Admissão

a. Admissão ao Programa de Bacharel
Para o acesso às universidades suíças é exigido um certificado válido suíço de graduação ou um certificado de qualificação estrangeira equivalente de educação secundária para entrar na universidade. Cada uma das universidades toma suas próprias decisões quanto aos certificados e qualificações que reconhece. Informações detalhadas sobre os requisitos gerais e específicos por país de acesso e de admissão podem ser encontradas no site da CRUS / Swiss ENIC. Existem normas especiais para programas de estudo em medicina e ciências esportivas e de movimento humano (veja a seção 3).
b. Admissão ao Programa de Mestrado
O pré-requisito para o acesso a um programa de mestrado é um programa de nível de bacharelado concluído com êxito. Egressos dos programas de bacharelado têm acesso a determinados programas de mestrado, conforme listado na base de dados disponível no uni-programme.ch. Cada uma das universidades toma suas próprias decisões se um diploma de bacharelado estrangeiro dá ao seu detentor acesso aos programas de mestrado sem exames de admissão, dá acesso, sob certas condições, dá acesso com outros requisitos ou não permite o acesso aos programas de mestrado.
c. Requisitos de Idiomas

As universidades exigem um bom conhecimento da língua de ensino.

Ao nível de Mestrado especialmente, as universidades estão oferecendo um número crescente de programas de estudo em Inglês.

Para os alunos que não sejam titulares de certificados reconhecidos integralmente elegíveis para entrada na universidade, os requisitos de admissão também incluem um exame de admissão à universidade.

Passos Necessário Se você Quer Estudar na Suíça

Se preencher os requisitos listados no item 5 acima, faça o seguinte:

a. Solicite a admissão
Contate a universidade de sua escolha antes da data limite de admissão. A maioria das universidades também aceitam inscrições online. Os principais documentos que você terá que enviar para a universidade são o seu Diploma do ensino secundário (o original ou uma cópia autenticada) e uma fotografia tipo passaporte atualizada.

b. Entrada/Visto e Autorização de Residência
Dentro de 14 dias ao entrar na Suíça, os cidadãos da UE / EFTA devem se registrar com a autoridade local (Einwohnerkontrolle, Escritório de Registro de Residentes) no local de residência e solicitar uma autorização de residência.

Você terá que apresentar os seguintes documentos:
• Inscrição pessoal para autorização de residência
• Passaporte válido ou carteira de identidade
• Comprovante de matrícula na universidade
• Comprovação de fundos suficientes (por exemplo, certidão ou documento certificado de um banco autorizado na Suíça)
• Comprovante de endereço do local de residência
• 2 fotografias tipo passaporte

Outros estudantes nacionais estrangeiros – além da UE / EFTA – devem entrar em contato com a embaixada ou consulado suíço em seu próprio país e solicitar um visto. Se as autoridades de imigração responsáveis aprovarem o pedido, os requisitos para a entrada e residência na Suíça para efeitos de estudo estão cumpridos. Mais informações no Instituto Federal de Migração.
Os estrangeiros que não são cidadãos da UE / EFTA e que não necessitam de visto devem consultar a embaixada ou consulado suíço do seu país para os requisitos e formalidades correntes de entrada e de residência.

Vestibular universitário para candidatos estrangeiros

a. Vestibular Central
Os estudantes que não sejam titulares de certificados estrangeiros elegíveis reconhecidos integralmente para entrada na universidade devem passar por um exame central de acesso à universidade (ver seção 5).

b. Universidade de St. Gallen
A única universidade suíça diferente é a Universidade de St. Gallen que exige que os alunos nacionais estrangeiros realizem seu próprio teste de admissão. A razão é que a universidade restringe a porcentagem total de estudantes nacionais estrangeiros a 25%. Os estrangeiros titulares de um certificado de graduação suíço reconhecido estão isentos desta exigência.

c. Institutos Federais de Tecnologia da Suíça
O Instituto Federal Suíço de Tecnologia de Zurique (Eidgenösissische Technische Hochschule Zürich ETHZ) e Lausanne (Ecole Polytechnique Fédérale de Lausanne EPFL) oferecem a oportunidade de fazer exames de admissão aos candidatos, ambos estrangeiros e suíços, que não possuem um certificado de qualificação em escola secundária superior plenamente qualificado para o acesso à universidade.

ETH Zurich

+41 (0)21 693 22 95

Custos
Taxas de mensalidade escolar por ano (em CHF)

EPFL

ETHZ

BS

BE

FR

GE

LA

LU

NE

SG

ZH

USI

For Swiss students

1,266

1,288

1,700

1,568

1,310

1,000

1,160

1,620

1,030

2,452

1,538

4,000

Additional fees for foreign students

300

600

550

1,800

1,000

4,000

For foreign students

1,266

1,288

1,700

1,568

1,610

1,000

1,160

2,220

1,580

4,252

2,538

8,000

Custo de vida: entre CHF 21.000- e 31.000- por ano (dependendo da localização da universidade e demandas pessoais)
Fonte: Sites das universidades suíças, a partir de: 07.02.2014

Bolsas
Os centros de mobilidade das universidades suíças fornecem informações sobre bolsas de estudo para estudantes internacionais concedidos por universidades.
Outras Opções de Financiamento
A Conferência do Reitores das Universidades Suíças CRUS não dispõe de fundos para a concessão de apoio financeiro.

Cobertura de seguro saúde
Todas as pessoas que vivem na Suíça há mais de três meses, incluindo também estudantes internacionais, devem ter cobertura de seguro saúde básico. Os estudantes de países que oferecem cobertura de saúde mútuo internacional podem ser isentos do seguro saúde obrigatório. Outros alunos podem ser dispensados se eles têm cobertura de seguro saúde equivalente em seu país de origem.
Para mais informações, consulte:
Seguro de Saúde para Estudantes Estrangeiros na Suíça
Gemeinsame Einrichtung KVG

Calendário Acadêmico
O ano letivo é dividido em dois semestres. As aulas são ministradas a partir do outono da 38º a 51º semana e na primavera da 8º a 22º semana.

Maiores informações
Brochuras sobre o estudo na Suíça, em Inglês:
o “Estudar na Suíça – 2014”
o “Ensino superior e pesquisa na Suíça – 2013”
o O site em língua inglesa www.studyinginswitzerland.ch fornece informações para estudantes internacionais que desejam estudar na Suíça e para as universidades que procuram parceiros de cooperação.

Administração Federal Suíça para promover a cooperação em pesquisa bilateral com os países extra europeus, a Secretaria de Estado para Educação, Pesquisa e Inovação (SERI) mandatou a Ecole Polytechnique Fédérale de Lausanne (EPFL) para desenvolver e coordenar os programas de cooperação de pesquisa conjunta com a Índia, o Brasil e o Chile.
O Conselho Federal Suíço confirmou a importância da colaboração bilateral da Suíça com o Brasil em Educação, Pesquisa e Inovação para 2013-2016, a EPFL está no centro desta estratégia devido ao seu papel nacional como “Leading House” para a Índia e o Brasil. Como tal, a EPFL lançou novos instrumentos de financiamento para o programa bilateral com o Brasil.
Para mais informações visite o site da EPFL.